VIEIRA, Yara Frateschi (Universidade Estadual de Campinas) Lírica galego-portuguesa e cultura clerical Área: Letras PDF Imprimir E-mail
Sáb, 04 de Fevereiro de 2012 22:43
Modificar o tamanho da letra:

A minha pesquisa visa a identificar, na lírica galego-portuguesa, marcas discursivas que evidenciem que os trovadores teriam sido expostos às formas dominantes e aos hábitos de pensar da cultura eclesiástica sua contemporânea e que algumas das questões mais candentes dessa cultura encontram-se glosadas em cantigas ou permeiam o universo conceptual amoroso nelas delineado.
A pesquisa situa-se, portanto, num campo interdisciplinar. Dentro de uma perspectiva filológica ampla, não positivista, terá de contar com contribuições trazidas pela investigação histórica (documentação relativa à biografia dos trovadores e à situação e configuração dos meios sócio-culturais que freqüentaram). Exige, por outro lado, a leitura e compreensão de textos representativos da lógica terminista e da teologia negativa, bem como da bibliografia secundária que se tem dedicado a esses assuntos.
Os textos das cantigas serão portanto submetidos a uma análise intra e intertextual, de uma perspectiva comparada, que procurará recuperar os eventuais ecos de textos de outra natureza (Lógica, Filosofia e Teologia), explicitando assim pressupostos de natureza filosófica e teológica que compõem o substrato epistemológico da cultura clerical e, por contacto inevitável, laica, da época.